Sagres road trip – dia 2

By Nuno Dias | Novembro, 3, 2011 | 0 comments

Domingo acordámos por volta das 6h da manhã, pois este era suposto ser o melhor dia de ondas durante a nossa estadia em Sagres. Fomos logo directos para o Zavial e assim que chegámos à praia vimos que o mar estava muito longe do que o que estávamos à espera. As ondas demoravam muito tempo a entrar, estava 1,5m, mas os fundos não me pareceram muito bons. No entanto decidimos ficar por ali, pois o mar poderia mudar. O Tó e o Guilherme lá entraram e não conseguiram apanhar nenhuma boa. Os destaques desta sessão foram para o Jaime Jesus que apanhou as melhores, onde mandou grandes inverts. Outra pessoa com que fiquei bastante impressionado foi com o Algarvio Gonçalo Pinheiro. Pelo que vi nestes dias e do seu último podcast, este é certamente uma das melhores esperanças portuguesas que temos de momento. O “miúdo” tem uma linha de onda muito agressiva e nesta sessão mostrou isso ao bater dois inverts muito bons.

A meio da manhã decidimos ir ver outras praias, como o Beliche, onde o mar estava gigante, e depois fomos para a Mareta, onde estava mais pequeno, mas mais perfeito. Decidi entrar com a caixa estanque, só que não vi bem o mar antes de entrar e quando entrei, o mar parecia um rio, com uma corrente muito forte. No final desta sessão não consegui tirar nem uma foto, mas aprendi que às vezes o que vemos cá de fora não é bem o que é dentro de água.

Depois disso, fomos novamente para o Zavial, e tivemos uma grande surpresa: o mar subiu muito, com algumas ondas a chegarem aos 3m, no entanto muitas delas fechavam. O grande destaque desta sessão foi sem dúvida o Pierre Louis Costes, que mostrou uma grande técnica nos bottums, uma capacidade de gerar muita velocidade, de atacar muito rápido o lip sem medo e de bater manobras de elevado nível técnico. Vi que o Pierre está em grande forma, estava constantemente a apanhar ondas e a tentar sempre fazer melhor na próxima.

No final do dia, fomos convidados para uma festa de anos do primo do Diogo, onde nos fartámos de comer e beber sem pagar eheh. Depois disso fomos para casa, estávamos todos muito cansados e um pouco desiludidos pois este era suposto ser o melhor dia da viagem e não conseguimos fazer nenhuma fotografia boa…

Fiquem com umas fotos:

Sunday we woke up at 6am, because this was supose be the best day of waves during our stay in Sagres. We drove directly to Zavial and when we arrived at the beach, the waves were to far from what we were expect. The waves take to much time to arrive to the beach, was 1,5m, and the banks weren’t to good. We decide stay there because the conditions could change anytime. Tó and Guilherme went for a surf but they didn’t catch any good wave. The big performances were for Jaime Jesus that caught the best ones and did some good inverts. Another guy that impressed me was the Algarvian Gonçalo Pinheiro. What i saw in those days and in his last podcast he is definitely one of the best young guns that Portugal have. The kid have a very agressive line and in this sessione he showed that doing very good inverts.

In the middle of the morning we decide check other beaches, like Beliche but it was too big, then we check Mareta, where was more small and perfect. I decided shooting in the water, but i didn’t analyse well the waves, and when i started to swim the sea it’s just like a river, with very strong currents. In the final of this session i didn’t took any photo, but i learned that sometimes what we see from the outside it’s not the same in the water.

After this we went again to Zavial and we had a great surprise: the waves grew up a lot, with some sets with 3 meters but big part of them were big close outs. The best performance of this session was by far Pierre Louis Costes, that showed a great technic doing the bottums, on his capacity of getting more faster, attack the lips with no fear and doing high level maneuvers. I saw that Pierre was very fit, he was always catching a lot of waves and try to do better on the next one.

In the final of the day we received an invite to a party of Diogo’s cousin birthday, where we eat and drink a lot free eheh. After that i went to our house, all of us were very tired and a bit disappointed beacause this was suposed be the best day of the trip and we didn’t make good images…

Stay with some photos:


Leave a Reply

Post Comment