2012

Posted By Nuno Dias / Janeiro, 2, 2012 / 0 comments

2011 Recap

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 31, 2011 / 0 comments

Este é o último post de 2011, sendo assim vou falar um pouco do que aconteceu ao longo destes 12 meses.

No ínicio do ano decidi logo determinar certos objectivos que iriam fazer com que evoluisse bastante como fotógrafo. De Janeiro até Junho estive a estagiar como fotógrafo na escola de bodyboard Puremocean onde adquiri certos valores, apliquei os meus conhecimentos e contribuí também para a evolução da escola. Durante este estágio tive a oportunidade de fazer duas viagens em Portugal, a Sagres e à Figueira da Foz. Nestas duas viagens conheci muitas pessoas novas, novas ondas e também senti alguma evolução como pessoa e como fotógrafo.

A meio de Junho lançei o meu novo site, que ficou como eu pensei logo no ínicio do ano. Fiz-o de modo a incorporar um blog no site, onde os utilizadores podem ver as principais notícias, desde reports, a artigos ou somente fotografias. O site tem também zonas para os patrocínios, de modo a dar um maior retorno a todos eles. No final foi bem sucedido, recebi mensagens e telefonemas a dizer que estava muito bom, foi publicado nos principais sites de bodyboard portugueses e isso deixou-me bastante contente e motivado.

Outro objectivo que coloquei foi o de tentar estar presente nas melhores sessões do país. Obviamente que não consegui estar em todas, pois ainda estou a estudar, mas nas que estive gostei bastante e mais uma vez senti-me a evoluir.

Em Agosto tive a oportunidade de ser fotógrafo oficial do evento Sintra pro 2011, através da revista Ride It! bodyboard magazine. Nesta semana conheci alguns dos meus ídolos na fotografia e no bodyboard, perguntei-lhes várias coisas, não só sobre fotografia mas também de lugares no mundo para viajar, sobre a mentalidade que eles tinham em relação ao bodyboard do outro lado do mundo, etc.

Continuando no mês de Setembro e Outubro, fui à Nazaré várias vezes, na tentativa de tirar boas fotografias. Nas primeiras vezes o mar não ajudou, e pensei que se calhar já não valia a pena lá ir mais.
No entanto uns dias depois voltei lá mais uma vez e vi a melhor sessão de ondas da minha vida. O mar tem destas coisas…

Fui também dois dias assitir ao Ripcurl pro Peniche, foi o melhor campeonato que já alguma vez vi, com tudo muito bem organizado, e com altas ondas, foi considerado um dos melhores campeonatos de sempre no Surf.

Ainda no final do mês de Outubro voltei novamente a Sagres, as previsões eram muito boas e fiquei lá 3 dias.

Depois disso andei mais aqui pela linha a fotografar e a surfar, e tinha previsto ir uma semana para as Canárias ver a etapa final do circuito IBA. Não aconteceu, as previsões não eram lá muito boas para lá e decidi ficar por cá, pois as previsões estavam óptimas. No entanto depois de ter visto o último dia do campeonato em directo pensei para mim que cometi um grande erro, e que devia ter ido.

Ainda tive a fotografar a etapa final do circuito Nacional Open em Carcavelos, fui uns dias à Ericeira e à Nazaré, onde apanhámos boas ondas também e consegui tirar boas fotografias.

Concluindo, acho que este ano foi bastante produtivo, grande parte dos meus objectivos consegui realizá-los e já estou com alguns projectos em mente para o próximo ano! Parece que vamos começar o ano com altas ondas, queria desejar as todos os que me acompanham e me ajudaram um Feliz ano novo, com muita Saúde, Paz e Felicidade!

Até para o ano 😀

Um dia na Ericeira

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 30, 2011 / 0 comments

Terça-feira à noite recebi um telefonema do Paulinho Costa a convidar-me para ir passar a noite na Ericeira e no dia seguinte ir fotografar. Aceitei e nessa mesma noite, veio-me buscar e lá arráncamos para a Ericeira. As previsões não eram lá muito boas, mas também não eram más, ou seja podiamos ter sorte e apanhar boas ondas ou ter azar e apanhar más ondas…

Acordámos por volta das 6:30 am, pois queríamos aproveitar ao máximo a maré cheia, e fomos ver a praia da empa. Reparámos que a maré já tinha vazado de mais, e fomos para um spot de difícil acesso que não é muito comum, pelo menos o percurso que fizemos até lá chegar: fizemos uma caminhada de cerca de 30 minutos, onde atravessámos vários montes de pedras soltas, algumas bastante escorregadias, duas praias, tudo isto com todo o nosso material às costas o que nos dificultava mais ainda. Pelo caminho descobrimos uma onda nova, que me pareceu surfável, tinha muito bom aspecto, mas também tinha de ser bastante rasa. Como a maré ainda estava a vazar, fomos para um pico uns metros mais à frente, que era uma direita longe da costa, onde quebravam sets de um metro, um pouco inconsistente. Vestimo-nos num instante, preparei a caixa estanque e fomos os 6 a nadar até ao pico. Em relação à onda, acho que tem um bom potencial, não estava clássico, mas vinham ondas muito boas, todos eles treinaram a sua linha dentro dos tubos e para isso tinham um dos melhores tuberiders portugueses para os ensinar, Paulinho Costa, que fez um tubo desde o pico até ao inside sempre lá dentro e depois quando olho para a zona de inside sai da onda com um grande sorriso. A melhor parte da manhã acho que foi mesmo termos surfado completamente sozinhos, consegui tirar boas fotografias ( as melhores vão ser enviadas para as revistas ) que também era basicamente o que pretendia nesta manhã. Depois de sairmos o vento norte começou a entrar, e a estragar as ondas e fizemos novamente todo aquele caminho.

Na parte da tarde fomos até à Crazy left, o mar estava com cerca de um metro, com o vento norte a soprar bastante forte o que destruia a onda. Mesmo assim acho que foi a melhor opção, estávamos novamente sozinhos no pico e de vez em quando entravam uns sets bons.

No final do dia estávamos completamente de rastos por todas as caminhadas, quedas, remadas, mas que no final compensou o esforço!

Intense

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 23, 2011 / 0 comments

Ericeira – Guilherme Guerra & Steph Kokorelis

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 20, 2011 / 0 comments

Ontem as previsões eram boas para a zona da Ericeira, sendo assim eu e o meu irmão levámos conosco duas das maiores promessas portuguesas: Guilherme Guerra, atual campeão nacional sub-14, e Steph Kokorelis, atual vice campeão nacional sub-14.

Assim que chegámos vimos os principais spots, mas acabámos por ficar pela praia da Empa. Fiquei um pouco impressionado com o seu nível, visto que raramente surfam ondas fundo de pedra, e acho que eles nesta sessão ficaram com uma noção do tipo de ondas que precisam de surfar para evoluir e alcançar o topo.

Fiquem com umas fotos:


Yesterday the forecast was good to Ericeira, so me and my brother toke with us two of the best portuguese groms: Guilherme Guerra, current under-14 champion, and Steph kokorelis, current under-14 vice champion.

When we arrived, we checked the main spots and we ended up by Praia da Empa. I was a little bit impressed with their level, because they rarely surf reef breaks, and i think that in this session they stayed with a type of concept of the waves that they need to surf to evolve and reach the top.

Carcavelos warm up – 15/12/2011

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 15, 2011 / 3 comments

Carcavelos warm up – 14/12/2011

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 14, 2011 / 0 comments

Ricardo Faustino – Praia do Norte

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 13, 2011 / 0 comments

Praia do Norte…

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 12, 2011 / 0 comments

Pedro Matos – Margem Sul

Posted By Nuno Dias / Dezembro, 10, 2011 / 0 comments